Stara adia construção da nova fábrica em Santa Rosa


A empresa Stara,  fabricante de implementos agrícolas, anunciou o adiamento da construção de uma nova fábrica em Santa Rosa.

Segundo o Secretário de Desenvolvimento Econômico de Santa Rosa, Fernando Borella, "desde 2013 vivemos a expectativa da empresa Stara investir em Santa Rosa, obviamente que de lá até hoje houve muitos desdobramentos. Em 2013 e parte de 2014 era tratada a questão da área, a localização, e o município contribuiu, neste fomento de atração de empresas, com 5 hectares e a empresa adquiriu outros 12 hectares, localizados na saída para Giruá, próximo ao anel rodoviário.

Porém quando a empresa fomentou o projeto para construção de uma nova planta industrial em Santa Rosa se deparou com o impecílio da questão de serem duas matrículas separadas, a de 5 e a dos 12 hectares. A Stara então devolveu os recursos ao município e adquiriu sozinha toda a área de 17 hectares. Portanto esta área que eles estão colocando hoje a venda é uma propriedade deles e não do município".

"Depois houve uma tramitação junto a FEPAN, para o licenciamento ambiental da área e neste meio tempo houve uma drástica modificação econômica no setor, e a Stara, como qualquer outra empresa, fez uma reestruturação do seu projeto inicial de construir uma fábrica em Santa Rosa, adiando a construção mais para frente.

A ideia era estar com a nova fábrica pronta entre 2017/18, pois a empresa tinha uma previsão de um faturamento que não se confirmou, e ela precisa se ajustar a esta situação e com isso transformar o que está improdutivo, em receita. Eles tem 17 hectares e não há previsão para construção da nova fábrica. Vamos supor que o hectare custe R$ 100 mil, então são R$ 1,7 milhões que estão parados, que se entrar no caixa da empresa da uma boa aliviada", relata Borella.

"A nova fábrica abriria cerca de 300 novos postos de trabalho. A fábrica que a Stara tem hoje em Santa Rosa continua funcionando normalmente, os trabalhadores podem ficar tranquilos, se cria uma situação que a Stara estaria indo embora, o que não é verdade.   

O prefeito Vicini está indo na próxima semana a Não-me-Toque para conversar com o diretor-presidente da Stara, Gilson Trennepohl, e a partir daí poderemos saber o que a empresa pensa para Santa Rosa numa projeção de médio a longo prazo", finalizou o secretário.


Fonte: Santa Rosa em Dia
Postado por Lucas Mumbach

Aplicativo

Para instalar no Android, ative a opção para instalação de aplicativos de fontes desconhecidas.

Os aplicativos são disponibilizados por CICLANOHOST


Facebook


Twitter