Plantio do trigo apresentou evolução lenta na última semana


Com a semana caracterizada pela alta umidade do ar e do solo, provocada pelas chuvas que ocorreram durante o período - chegando a volumes expressivos em algumas áreas -, o plantio do trigo apresentou evolução lenta na última semana, chegando a 15% em nível estadual. De acordo com o Informe Conjuntural da Emater, o percentual de área plantada para o período deveria ser de 20%. No ciclo passado, nesta mesma época - que apresentava condições climáticas semelhantes - o percentual era de 12%. Na região de Santa Rosa, uma das maiores produtoras e onde o percentual de área plantada atingiu 30% nesta semana, os agricultores estão preocupados com o atraso e esperam entrar nas lavouras assim que o tempo melhorar. Em algumas situações, os produtores arriscaram o plantio, mesmo com o solo bastante encharcado, ocasionando um plantio de pouca qualidade. Já as áreas implantadas no início do período recomendado pelo zoneamento apresentam boa germinação e desenvolvimento satisfatório. Os agricultores estão concluindo o preparo das áreas através da dessecação e esperam a umidade ideal do solo para dar continuidade à semeadura.

Aplicativo

Para instalar no Android, ative a opção para instalação de aplicativos de fontes desconhecidas.

Os aplicativos são disponibilizados por CICLANOHOST


Facebook


Twitter