Região finaliza Plano Estratégico de Desenvolvimento


A região Fronteira Noroeste, com abrangência nos 20 municípios, finaliza o seu Plano Estratégico de Desenvolvimento 2015 a 2030. Elaborado sob a coordenação do Conselho Regional de Desenvolvimento - Corede Fronteira Noroeste, a definição do Plano conta com a assessoria técnica da Unijuí e a participação das demais Instituições da região, Prefeitos, Comudes , ACIs e demais entidades locais e regionais.
Alinhado às demais 28 regiões do estado, que também estão elaborando os seus Planos Estratégicos, a Fronteira Noroeste apresenta investimentos na inovação, agregação de valor e maior competitividade das cadeias produtivas de alimentos, máquinas agrícolas, móveis e confecções, investimentos na infraestrutura logística rodoviária, aeroporto, transporte ferroviário e fluvial. Este último, vinculado à hidrovia do Rio Paraná para a exportação e importação de produtos na região e os investimentos na construção da Ponte Internacional de Porto Mauá. O Plano prioriza também a produção de energias via hidroenergia, energia solar, eólica e bioenergias.  Contempla também investimentos nas áreas ambientais, da segurança, saúde e educação.
O Plano Estratégico busca enfrentar os desafios decorrentes das mudanças tecnológicas, demográficas, geográficas e de logística, considerando uma região distante dos grandes centros populacionais e ser uma região de fronteira internacional. São no total mais de 50 Projetos, abrangendo as áreas estratégicas. 
O Plano da região aponta também prioridades macrorregionais, para fazer frente ao tema da inovação e tecnologia, com a constituição do Parque Tecnológico do Noroeste Gaúcho, compreendendo quatro (04) Coredes (Fronteira Noroeste, Celeiro, Missões e Noroeste Colonial). O Projeto do Parque Tecnológico indica uma estrutura descentralizada e disseminada na região, com uma ação em cooperação entre as Universidades e Instituições 

de Ensino Superior da Região. Somente este projeto soma um investimento superior a R$ 66 milhões, com fontes de recursos dos Ministérios de Ciências e Tecnologia, Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia e outras fontes nacionais e internacionais. Para operacionalizar este projeto, já foi firmado um termo de Cooperação que reúne Unijuí, URI, Setrem, Fema, Fahor, Unicruz e outras. Tratativas vêm sendo tomadas para agregar também as Instituições federais na região, como IFFAR e a UFFS.
O Plano Estratégico de Desenvolvimento, que está disponível na Secretaria do Corede, será oficialmente apresentado na assembleia regional do Corede Fronteira Noroeste, a ser realizada dia 31.03.2017, às 8h30min, na Unijuí Santa Rosa, conforme foi deliberado pela Diretoria do Corede reunida no último dia 17.03.

Aplicativo

Para instalar no Android, ative a opção para instalação de aplicativos de fontes desconhecidas.

Os aplicativos são disponibilizados por CICLANOHOST


Facebook


Twitter