Exército dá início à Operação Ágata na fornteira Noroeste


O Exército Brasileiro deu início, nesta segunda-feira, 13, à mobilização de tropas para uma nova edição da Operação Ágata, realizada, simultaneamente, na região da tríplice fronteira entre o Brasil, Paraguai e Argentina.
A fiscalização reforçada por meio da 11ª edição da Operação Ágata tem como objetivo reduzir os índices de criminalidade e reprimir crimes transfronteiriços como o tráfico de pessoas, drogas, armas e munições e o contrabando de mercadorias, e ambientais.
A operação começou sem aviso prévio e não tem data para ser finalizada. As equipes contam com apoio da Brigada Militar, da Receita Federal, da Polícia Federal e da Polícia Rodoviária Federal. Os militares vão atuar em rodovias, estradas vicinais e principais vias de entrada e saída das cidades.
No Rio Grande do Sul, as ações preventivas e de repressão serão realizadas na Fronteira Noroeste e Fronteira Oeste, e em São Miguel do Oeste, em Santa Catarina, totalizando 2,4 mil km.
Na Região Celeiro, opera o 19º Regimento de Cavalaria Mecanizada - RCMEC de Santa Rosa, na área de fronteira com a Argentina. Os locais de barreiras não são informados pelo Exército.

Fonte site trespassosnews

Aplicativo

Para instalar no Android, ative a opção para instalação de aplicativos de fontes desconhecidas.

Os aplicativos são disponibilizados por CICLANOHOST


Facebook


Twitter