Escola de Consolata apresentou trabalho na 40ª Expointer


'A importância do milho na alimentação' foi o tema da pesquisa. O Sindicato Rural de Três de Maio apoiou a participação da escola no evento com o patrocínio de um banner

De 26 a 29 de agosto, a Escola Estadual de Ensino Fundamental Senador Alberto Pasqualini, da localidade de Consolata, interior de Três de Maio, esteve representada na 40ª Expointer, em Esteio. A vice-diretora, Simone Herpich, e a aluna do 8º ano, Fernanda Boz, participaram do evento, apresentando o trabalho intitulado 'A importância do milho na alimentação'.

Simone explica que o objetivo do trabalho foi promover o resgate da cultura do milho caiano e mostrar à comunidade escolar a importância que tal cultivo teve para as gerações passadas e para o meio ambiente, realizando o plantio  na lavoura da escola, bem como incentivar a adoção de hábitos de vida saudáveis.

"A ideia inicial de desenvolver este projeto interdisciplinar surgiu durante o processo de colheita, debulha do milho caiano, o qual, ainda em 2015 e 2016, foi produzido na área agrícola da escola, por não ter sua genética modificada e incorporar a agricultura familiar, tendo como uma das principais características conduzir a lavoura com menor uso de insumos e o fato de a produção agrícola estar direcionada às necessidades do grupo familiar. O milho representa um dos principais cereais cultivados em todo o mundo, fornecendo produtos largamente utilizados para a alimentação humana, animal e matérias-primas para a indústria."

Segundo Simone, a participação na 40ª Expointer possibilitou momentos maravilhosos de partilha. "Além de levarmos o nosso conhecimento aos visitantes e a nossa motivação de querer que as pessoas passem a consumir uma alimentação mais saudável, também tivemos muitos momentos de aprendizagem, tanto na troca de informações com as outras escolas como na conversa com as pessoas que nos prestigiaram com a visita no nosso local de exposição."

Simone e Fernanda viajaram à Esteio com muitas amostras de alimentos produzidos com o milho e voltaram cheias de ideias para os próximos projetos a serem desenvolvidos na escola. 

A possibilidade de inscreverem o trabalho na feira se deu, conforme a vice-diretora, após uma visita da 17ª Coordenadoria Regional de Educação na escola, que conheceu o projeto e pediu para encaminha-lo à coordenadoria. Depois, receberam a notícia de que a escola havia sido selecionada a expor o trabalho desenvolvido na Expointer. Cada coordenadoria encaminhou seus projetos para a Secretaria Estadual da Educação, onde foram avaliados e selecionados. No total, 15 escolas gaúchas foram selecionadas para a exposição de trabalhos na 40ª Expointer.

O Sindicato Rural de Três de Maio apoiou a participação da escola na Expointer com o patrocínio de um banner.


Texto: Jaqueline Peripolli / Sindicato Rural de Três de Maio

Aplicativo

Para instalar no Android, ative a opção para instalação de aplicativos de fontes desconhecidas.

Os aplicativos são disponibilizados por CICLANOHOST


Facebook


Twitter