Pescadores e entidades de Porto Vera Cruz uniram esforços em mutirão de limpeza do Rio Uruguai


Pescadores profissionais de Porto Vera Cruz uniram-se para um mutirão de limpeza do Rio Uruguai, fonte de renda e de lazer de muitas famílias do Noroeste gaúcho, realizado no final do mês de novembro. A mobilização contou com o apoio da Emater/RS-Ascar e Prefeitura de Porto Vera Cruz, através das secretarias da Agricultura, de Obras e da Saúde, além de agentes de endemias. A limpeza foi realizada em uma extensão de 18 quilômetros, às margens do Rio, iniciando na ponta da ilha, em Barra do Bugre, até o balneário Chico Alferes.
 
A proposta do mutirão, segundo a extensionista da Emater/RS-Ascar, Neiva Marines Benke, é melhorar a qualidade de vida e a saúde das famílias de pescadores, a partir de ações individuais e coletivas que cuidem e preservem o Rio Uruguai, fonte de sustento e de lazer de diversas famílias.
 
O extensionista Gilberto José Barbaro, que acompanhou o mutirão, explica que a ação ocorre anualmente, tendo como objetivo principal a conscientização das pessoas em relação à destinação correta do lixo, diminuindo o lançamento de resíduos no rio. "Queremos regatar a importância de preservar o ambiente", comenta.
 
Garrafas de refrigerante, vidros, embalagens plásticas e de agrotóxicos foram alguns dos objetos recolhidos, que lotaram um caminhão em mais de 150 sacos de lixo. "Embora a quantidade de lixo recolhido ainda seja grande, observou-se uma diminuição em relação a anos anteriores. Diante disso, cabe a continuidade de ações educativas e de conscientização para que estas sejam incorporadas à rotina das famílias da comunidade", comenta Barbaro.

Aplicativo

Para instalar no Android, ative a opção para instalação de aplicativos de fontes desconhecidas.

Os aplicativos são disponibilizados por CICLANOHOST


Facebook


Twitter