INFRAESTRUTURA: Mais da metade das rodovias do Brasil têm algum defeito, aponta CNT


Mais da metade das rodovias do Brasil têm algum tipo de defeito na pavimentação, sinalização ou geometria. De acordo com pesquisa divulgada nesta terça-feira (26) pela Confederação Nacional do Transporte, CNT, 58,2 por cento das rodovias brasileiras foram classificadas como regulares, ruins ou péssimas. Outras 41,8 por cento foram consideras ótimas ou boas. De acordo com a CNT, a região Nordeste é a que tem as piores condições de pavimento.
 
A pesquisa avaliou 103 mil quilômetros de estradas e abrangeu toda a malha de rodovias federais e as principais rodovias estaduais pavimentadas, incluindo trechos concedidos à iniciativa privada. De acordo com a pesquisa, os trechos que foram privatizados tiveram a melhor avaliação com 78,7 por cento da malha considerada ótima ou boa. Já em relação às rodovias públicas, 32,9 por cento foram avaliadas como ótimas ou boas.
 
 Além disso, a pesquisa apontou que, de 2015 para 2016, houve aumento de 26,6 por cento no número de pontos considerados críticos nas rodovias, com problemas como buracos, queda de barreiras e erosões.
 

Aplicativo

Para instalar no Android, ative a opção para instalação de aplicativos de fontes desconhecidas.

Os aplicativos são disponibilizados por CICLANOHOST


Facebook


Twitter