Senado aprovou a admissibilidade do processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff


O Senado aprovou a admissibilidade do processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff, que será afastada do cargo por até 180 dias, período em que um novo parecer será elaborado, debatido e votado. Nesse período, o vice Michel Temer assumirá a presidência do país até o encerramento do processo. Após o afastamento de Dilma que deve ocorrer ainda hoje(12), Temer será comunicado de que assumirá a presidência. Na última instância, o Senado, deve votar sim ou não ao questionamento do presidente do STF, que perguntará se Dilma Rousseff cometeu crime de responsabilidade no exercício do mandato. Para aprovar o impeachment é preciso maioria qualificada (dois terços dos senadores), o que equivale a 54 dos 81 possíveis votos.

Aplicativo

Para instalar no Android, ative a opção para instalação de aplicativos de fontes desconhecidas.

Os aplicativos são disponibilizados por CICLANOHOST


Facebook


Twitter